Passagens Aereas

pdf imprimir enviar e-mail

Transporte de bagagem especial

http://www.edestinos.com.br/dicas-de-viagem/Voos/Bagagem/Transporte-de-bagagem-especial

Última atualização: 2014-10-16

Transporte de bagagem especial

As linhas aéreas determinam individualmente as condições e possibilidades de transporte de bagagem especial. O texto abaixo serve como um guia, mas a palavra final é sempre da companhia aérea.

O que pode levar?

  • Bicicleta

A maioria das companhias aéreas permite o transporte de bicicletas mediante uma taxa adicional, inferior caso o passageiro reserve o transporte antecipadamente (online ou entrando em contato com a companhia).

Ao preparar a bicicleta para o transporte, não se esqueça de:

- afrouxar os pedais ou torcê-los de maneira que fiquem virados para dentro,

- desmontar a roda dianteira e fixá-la no quadro,

- alinhar o volante da bicicleta paralelamente ao quadro e fixá-la nessa posição,

- esvaziar os pneus,

- embalar a bicicleta numa capa protetora especial ou numa caixa de papelão.

  • Transporte de equipamento de mergulho

O equipamento de mergulho pode ser transportado somente como bagagem registrada, e está sujeito a limites de peso e, eventualmente, a taxas por excesso de bagagem.

Prepare o seu equipamento de mergulho:

- a garrafa de ar comprimido deve estar vazia;

- os reguladores e as válvulas na posição “desligado”;

- as baterias/pilhas e lâmpadas removidas.

Elementos frágeis do equipamento de bagagem especial devem ser adicionalmente protegidos, embalados com espuma ou plástico-bolha.

  • Transporte de prancha de surf

O transporte de pranchas de surf e wind surf na bagagem é sempre pago, mas não é contado no limite de bagagem registrada.

Atenção:

Se o peso das pranchas e de todos os acessórios for maior que 50 kg, o transporte somente será possível através dos serviços de carga.

Nem todas as companhias permitem o transporte de equipamento de surf e windsurfe, como a British Airways, por exemplo.

  • Transporte de esquis e pranchas de snowboard

É possível transportar esquis e pranchas de snowboard em quase todas as companhias aéreas. Este equipamento é classificado como bagagem de esporte, que pode estar composto de um par de esquis com fixações e botas (caso sejam esquis aquáticos). Recomendamos acondicionar os esquis num estojo.

O custo pelo transporte de bagagem com equipamentos esportivos varia de acordo com a companhia aérea. Muitas empresas não cobram pelo transporte de um par de esqui (por exemplo, a Lufthansa e a Austrian Airlines). Vale entrar em contato com a companhia aérea para saber esses detalhes de bagagem.

  • Transporte de tacos de golfe

Os tacos de golfe podem ser transportados na bagagem em quase todas as companhias aéreas. Caso sejam transportados numa companhia de baixo custo, a bagagem esportiva estará sujeita a uma taxa adicional, de acordo com os preços de tarifa da dada companhia aérea.

Na maioria das companhias aéreas regulares, tacos de golfe podem ser transportados fora do limite de bagagem, sem nenhum custo adicional. No entanto, serão cobradas taxas caso a bolsa que acondiciona os tacos seja fora dos padrões de tamanho ou o peso de toda a bagagem esportiva ultrapasse os limites definidos (normalmente 15 kg).

  • Transporte de instrumentos musicais

- pequenos instrumentos musicais podem ser transportados como bagagem de mão,

instrumentos musicais maiores podem ser transportados como bagagem registrada com observação dos limites de peso e volume da companhia aérea.

Lembre-se!

- proteja bem o objeto que será transportado;

- caso não queira transportá-lo na bagagem porão por causa de sua fragilidade ou valor, é possível levá-lo num assento comprado adicionalmente na cabine de passageiros, de acordo com a tarifa em vigor adequada para uma pessoa adulta;

- o instrumento transportado a bordo deve estar bem acondicionado, de forma que não fiquem expostas bordas pontiagudas.

  • Transporte de equipamentos eletrônicos

O transporte de equipamentos elétricos e eletrônicos é possível, tanto em companhias aéreas de baixo custo, como em companhias aéreas regulares.

Atenção!

Na bagagem de porão do avião não podem ser transportados equipamentos que usem as tecnologias sem fio, e todos os objetos devem estar desligados.

Não serão permitidos os transportes de equipamentos que contêm baterias líquidas (carregador com eletrólito líquido). Caso a bateria faça parte integral do equipamento, este somente será transportado com a apresentação do selo de garantia original do fabricante, indicando a presença de dispositivos de segurança anti-vazamento (baterias de tipo “non-spill”).

Vale a pena embalar bem a bagagem registrada que contenha artigos eletrônicos, para evitar danos durante o transporte. Todos os equipamentos eletrônicos na bagagem de mão devem estar desligados durante o pouso e a decolagem do avião.

Alguns equipamentos podem ser usados ​​durante o voo. O serviço de bordo geralmente informa quais equipamentos eletrônicos pedem ser ligados, como laptop ou um mp3.

É permitido o transporte de computadores ou monitores na bagagem de porão, desde que estejam adequadamente acondicionados dentro do limite de peso para a bagagem despachada de porão.

* O passageiro tem o dever de resolver as questões aduaneiras dos objetos que transporta.

  • Transporte de flores

O transporte de flores não é proibido pelas autoridades aduaneiras ou de segurança. O transporte de flores artificiais pode ser feito tanto na bagagem de mão, quanto na bagagem de porão. A maioria das companhias aéreas permite o transporte de flores naturais, mas somente a bordo da aeronave, como bagagem de mão.

Em alguns casos, quando a bagagem de mão é estritamente limitada (principalmente em companhias aéreas de baixo custo), os flores devem caber nos limites (volume e peso) de bagagem permitida. Se o trajeto de voo possibilita portar somente uma peça de bagagem, deve ser possível acondicionar as flores na bagagem de mão, ou as flores em si devem constituir a única peça de bagagem.

  • Carrinhos ou assentos de bebê

Passageiros que viajam com bebês até os dois anos de idade têm direito a despachar gratuitamente um carrinho dobrável, um assento de bebê (assento de automóvel) ou um moisés.

As normas de cada companhia aérea variam a este respeito. Em algumas companhias aéreas de baixo custo somente é possível transportar carrinhos de bebês. No entanto, em todos os casos, os carrinhos devem ser desmontáveis, e o seu peso não pode exceder o limite estabelecido pelas normas da companhia na qual viaja.

Lembre-se que, caso o passageiro queira levar um carrinho de bebê, assento, ou bercinho de viagem para uma criança acima de dois anos de idade, o serviço pode ser pago. Nesse caso, o carrinho será incluído no limite total atribuído a cada passageiro. A mesma regra pode ser aplicada em companhias aéreas regulares.

O transporte de bagagem adicional deve ser sinalizado com antecedência. Consulte a companhia aérea para mais informações. Os nossos consultores verificarão quais os eventuais custos de transporte de carrinhos de bebês, assentos ou bercinhos de viagem no trajeto da companhia aérea escolhida.

Lembre-se!

- A bagagem especial considerada como bagagem de porão deve ser despachada com antecedência por se tratar de bagagem de difícil acomodação. Caso contrário, o funcionário pode não permitir o seu despache.

- Para obter mais informações sobre as possibilidades e os custos de transporte de bagagem especial, consulte o regulamento da companhia aérea. 

 

ATENÇÃO: o peso máximo permitido para bagagem despachada é, geralmente, de 23 kg para trechos nacionais e 32 kg para trechos internacionais.


O artigo continha informações úteis?

Sim Não
* - campos obligatórios

Partilhe este artigo por e-mail

Transporte de bagagem especial

Link: http://www.edestinos.com.br/dicas-de-viagem/Voos/Bagagem/Transporte-de-bagagem-especial