O que é duty-free?

O que é duty-free?

Durante uma viagem, uma das maiores alegrias dos turistas são as compras. Principalmente daquelas mercadorias que o viajante possui a certeza de que não encontrará em seu país ou próximo do local onde mora. No entanto, na hora de levar um novo produto para casa, as taxas de importação e a burocracia acabam pesando muito na hora das compras. 

Para evitar este incomodo, o turista pode aproveitar as zonas livres de impostos, ou as duty-free zones, como são conhecidas no exterior.  Essas áreas são isentas de impostos por incentivo do governo. Um exemplo são as lojinhas de aeroportos, lojas em cidades de fronteira, outlets, free shops, zonas francas, entre outros.

As zonas livres de impostos também são áreas de livre comércio nas quais as indústrias destinam a maior parte de sua produção para o mercado externo, tendo como benefícios, além de vantagens em caráter administrativo, a isenção de tributos e a liberdade cambial. Por esse motivo, o turista pode encontrar preços mais acessíveis e mais facilidade na hora de importar, sem ter que lidar com toda a burocracia convencional.

Nessas zonas, o turista pode encontrar os mais diversos produtos por preços mais baratos - desde joias finas, até vinhos e tabaco. A qualidade dos produtos, apesar do preço mais em conta, é a mesma.

No Brasil, podemos encontrar zonas livres de impostos nos aeroportos internacionais, como por exemplo, nos aeroportos das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte, Brasília, Recife, Fortaleza e Natal. Também é possível encontrar as lojas Free Shop's e em portos.

O turista deve ficar atento, já que, em muitos países, para comprar livre de imposto ou, até mesmo, para entrar nessas zonas, o viajante deve estar como bilhete da passagem. Ele também deve saber que, mesmo nas duty-free zones, cada país possui sua própria lei de importação. Por isso, sempre é bom checar antes da viagem.

Além disso, o turista deve estar ciente de que sempre há uma determinada quantidade de produtos que ele pode importar. Essa quantidade depende muito de cada país e das leis de importação do seu local de destino. 


Informações importantes:

Veja também:

  

 

Dicas e sugestões neste artigo e artigos relacionados são apenas para fins informativos e auxiliares, e não podem ser base para qualquer reclamação contra a eDestinos.

Interessante, mas precisa de mais informações?
Cancelar
Muito obrigado pela sua ajuda!

Seu comentário nos ajudará a criar artigos melhores e mais relevantes

Não conseguimos enviar sua sugestão

Enviar de novo Tente mais tarde